O Modelo de Jo Mynard Para o Aconselhamento Linguageiro Como Propulsor da Aquisição de Segunda Língua

Jo Mynard's Model for Advising in Language Learning as a Propeller of Second Language Acquisition

Authors

  • Isabelly Raiane Silva dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.46814/lajdv3n4-055

Keywords:

Aconselhamento linguageiro, Aprendizagem, Aquisição de segunda língua

Abstract

RESUMO

O aconselhamento linguageiro pode ser definido como uma prática a qual busca encorajar os aprendentes a serem mais conscientes acerca de seus processos de aprendizagem a fim de torná-los mais autônomos. Nesse sentido, o objetivo desta pesquisa é descrever a relação que a prática eficaz do aconselhamento linguageiro estabelece com a aprendizagem bem-sucedida de línguas estrangeiras. Tomando como embasamento teórico conceitos e definições propostas por Gardner e Miller (1999), Benson (2001), Reinders (2008), Carson e Mynard (2012) e Aoki (2012), foram identificados aspectos relacionados à promoção da autonomia e à manutenção da motivação, visto que esses são conceitos interdependentes os quais auxiliam na descoberta do caminho para sucesso da aprendizagem. Com a finalidade de consolidar esta pesquisa de cunho qualitativo, foram analisadas as atitudes com relação à aprendizagem tomadas por uma estudante do curso de graduação em Licenciatura em Letras com habilitação em Inglês a partir do momento no qual ela procurou a ajuda do aconselhamento linguageiro para aprender a aprender. Para tanto, os instrumentos de pesquisa utilizados incluem questionários, entrevistas, narrativa de aprendizagem, ficha de metas pessoais, relatos orais e desenhos. A partir disso, foram observadas diversas mudanças na trajetória de aprendizagem da aluna, que aos poucos pôde se autocompreender e entender o funcionamento de sua própria cognição. Desse modo, os resultados da investigação apontaram a prática do aconselhamento linguageiro como algo favorável e benéfico ao estabelecimento da autonomia e da motivação estudantil.

 

ABSTRACT

Advising in language learning can be defined as a practice which seeks to encourage learners to be more aware of their learning processes in order to make them more autonomous. In this sense, the objective of this research is to describe the relationship that the effective practice of advising in language learning establishes with the successful learning of foreign languages. Taking as theoretical basis concepts and definitions proposed by Gardner and Miller (1999), Benson (2001), Reinders (2008), Carson and Mynard (2012) and Aoki (2012), aspects related to the promotion of autonomy and the maintenance of motivation were identified, as they are interdependent concepts which help to discover the path to learning success. In order to consolidate this qualitative research, the attitudes towards learning taken by an undergraduate student Majoring in English Language, from the moment she sought the help of advising in language learning to learn, were analyzed. For that, the research instruments used include questionnaires, interviews, learning narrative, personal goals sheet, oral reports and drawings. From this, several changes were observed in the student's learning trajectory, who gradually was able to self-understand and understand the functioning of her own cognition. Thus, the results of the investigation pointed to the practice of advising in language learning as something favorable and beneficial to the establishment of student autonomy and motivation.

 

Published

2021-08-09

How to Cite

DOS SANTOS, I. R. S. . O Modelo de Jo Mynard Para o Aconselhamento Linguageiro Como Propulsor da Aquisição de Segunda Língua: Jo Mynard’s Model for Advising in Language Learning as a Propeller of Second Language Acquisition. Latin American Journal of Development, [S. l.], v. 3, n. 4, p. 2485–2494, 2021. DOI: 10.46814/lajdv3n4-055. Disponível em: https://latinamericanpublicacoes.com.br/ojs/index.php/jdev/article/view/694. Acesso em: 27 may. 2022.