Políticas públicas de ações afirmativas: reflexões sobre ingresso e permanência de estudantes indígenas do convênio FUB/FUNAI

Affirmative action public policies: reflections on entry and permanence of indigenous students of the FUB/FUNAI agreement

Authors

  • Umberto Euzebio
  • Rayanne Cristine Máximo França
  • Eduardo Melo Rebouças

DOI:

https://doi.org/10.46814/lajdv3n4-016

Keywords:

Inclusão, Indígena, Educação

Abstract

RESUMO

Neste trabalho são suscitadas discussões e questionamentos sobre desafios e demandas postas à universidade pública pela inclusão e permanência de alunos ingressantes pelo convênio FUB/FUNAI. Com abordagens da pesquisa-ação, pesquisa participante e escuta sensível, foram avaliados os aspectos qualitativos envolvendo os fenômenos socioculturais e educacionais dos estudantes durante quatro anos. São necessárias relações de trocas e diálogos contínuos para a construção da identidade acadêmica indígena a partir de um ambiente político, pedagógico e metodológico que garanta as especificidades indígenas assegurando melhoria dessa política. Os processos de construção da universidade pública verdadeiramente inclusiva demandam a participação direta de entidades e sujeitos sociais nas frentes de elaboração das políticas públicas, essas ações afetam diretamente os grupos aos quais são direcionadas.

 

ABSTRACT

In this paper, discussions and questions about challenges and demands placed on the public university by reason of the inclusion and permanence of incoming students of the FUB / FUNAI agreement are raised. With approaches of research-action, participant observation and sensitive listening, the qualitative aspects involving the sociocultural and educational phenomena of students during four years were evaluated. There is a need for continuous exchange and dialogue for the construction of the indigenous academic identity, based on a political, pedagogical and methodological environment that assure indigenous specificities, guaranteeing the improvement of this policy. The processes of construction of the truly inclusive public university demand the direct participation of entities and social subjects in the fronts of elaboration of public policies, these actions directly affect the groups to which they are directed.

 

Published

2021-07-12

How to Cite

EUZEBIO, U. .; FRANÇA, R. C. M. .; REBOUÇAS, E. M. . Políticas públicas de ações afirmativas: reflexões sobre ingresso e permanência de estudantes indígenas do convênio FUB/FUNAI: Affirmative action public policies: reflections on entry and permanence of indigenous students of the FUB/FUNAI agreement. Latin American Journal of Development, v. 3, n. 4, p. 1906-1920, 12 Jul. 2021.