Projovem :o desafio do protagonismo juvenil em unidades de medida socioeducativa feminina e masculina

Authors

  • Danubia Capucho Teixeira
  • Carolina Monteiro
  • Ester Rebeca Filipini
  • Jessica Ribeiro de Castro
  • Janaína Dória Líbano Soares
  • Rafaela Mendes Soares

DOI:

https://doi.org/10.46814/lajdv3n3-008

Keywords:

protagonismo, promoção de saúde, vulnerabilidade, jovens, ato infracional, medida socioeducativa

Abstract

A adolescência é um período de transição, permeada por conflitos, onde o jovem começa a se responsabilizar por seus atos, podendo estar vulnerável a cometer atos infracionais.

As adolescentes em conflito com a lei do Estado do Rio de Janeiro, em cumprimento de internação, são levadas ao Centro de Socioeducação Dom Bosco (unidade feminina) e Escola João Luiz Alves (unidade masculina)  do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (DEGASE), órgão responsável em promover medidas socioeducativas, indicado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Este projeto tem como objetivo o protagonismo juvenil, promoção da saúde e direitos humanos, como uma ferramenta para auxiliar as adolescentes a fazerem escolhas mais saudáveis e serem mais autônomas em suas vidas.

Published

2021-05-14

How to Cite

TEIXEIRA, D. C. .; MONTEIRO, C. .; FILIPINI, E. R. .; DE CASTRO, J. R. .; SOARES, J. D. L. .; SOARES, R. M. . Projovem :o desafio do protagonismo juvenil em unidades de medida socioeducativa feminina e masculina. Latin American Journal of Development, v. 3, n. 3, p. 1092-1101, 14 May 2021.