Brincadeiras Infantis no Município de São Paulo: Entre o Passado e o Presente

Authors

  • Daniela Signorini Marcilio
  • Madalena Pedroso Aulicino

DOI:

https://doi.org/10.46814/lajdv3n2-020

Keywords:

Cultura, Brincar, Espaço, Memória

Abstract

Há menos de sessenta anos crianças ainda faziam do espaço público da rua seu território do brincar, e hoje, ainda é assim numa grande metrópole como São Paulo? Do que se brinca? Como se brinca? Em função disso, o objetivo dessa pesquisa foi identificar brincadeiras do passado para compreender quais delas permanecem até os tempos de hoje nos Distritos Municipais da Penha e do Cangaíba. Como metodologia utilizou-se a história oral e a observação participante com idosos e crianças de cada um dos distritos em questão. Neste artigo apresenta-se, pois, a confirmação da primeira hipótese da pesquisa de mestrado sobre a permanência e processo adaptativo de algumas brincadeiras na atualidade. Ou seja, constatou-se que várias brincadeiras infantis do passado permanecem hoje, mas com algumas adaptações.

Published

2021-05-03

How to Cite

MARCILIO, D. S. .; AULICINO, M. P. . Brincadeiras Infantis no Município de São Paulo: Entre o Passado e o Presente. Latin American Journal of Development, [S. l.], v. 3, n. 2, p. 738–752, 2021. DOI: 10.46814/lajdv3n2-020. Disponível em: https://latinamericanpublicacoes.com.br/ojs/index.php/jdev/article/view/261. Acesso em: 18 may. 2022.