Cachaça: Um produto Histórica e Quimicamente Brasileiro

Authors

  • Angélica Ramos da Luz
  • Elias de Souza Monteriro Filho
  • Raul Natale Junior
  • Miguel Ruiz
  • João Bosco Faria
  • Sinara München
  • Martha B. Adaime
  • Leinig Antonio Perazolli

DOI:

https://doi.org/10.46814/lajdv3n1-002

Keywords:

História, Química, Cachaça

Abstract

O início da produção da cachaça remete ao Ciclo do Açúcar, com o processo de destilo das sobras do melaço fermentado de cana. Quando as Antilhas ampliam a produção do açúcar, ocorre a desvalorização do produto brasileiro, o que da início a destilação direta do caldo fermentado. A diferença de matéria prima em relação ao Rum e das madeiras utilizadas para o envelhecimento da bebida permitem concluir que a cachaça é um produto com raízes genuinamente brasileiras.

Published

2021-02-25

How to Cite

LUZ, A. R. da .; MONTERIRO FILHO, E. de S. .; NATALE JUNIOR, R. .; RUIZ, M. .; FARIA, J. B. .; MÜNCHEN, S. .; ADAIME, M. B. .; PERAZOLLI, L. A. . Cachaça: Um produto Histórica e Quimicamente Brasileiro. Latin American Journal of Development, [S. l.], v. 3, n. 1, p. 14–24, 2021. DOI: 10.46814/lajdv3n1-002. Disponível em: https://latinamericanpublicacoes.com.br/ojs/index.php/jdev/article/view/170. Acesso em: 1 jul. 2022.