Desempenho em nomeação de figuras de crianças com dislexia

Authors

  • Débora Leitão Gomes
  • Bruna Vaz de Melo e Freitas
  • Sheila Corrêa Coutinho Carvalho
  • Ludmilla Gomes Rufino Mendes
  • Ariane Cristina Ramello Carvalho
  • Weber Martins
  • Sandra de Fátima Barboza Ferreira

DOI:

https://doi.org/10.46919/archv2n1-006

Keywords:

Dislexia, Nomeação, Disnomia, Anomia,, Teste de nomeação

Abstract

A Dislexia é definida como uma defasagem na habilidade de leitura e escrita em relação à capacidade de compreensão e inteligência geral, e suposta educação formal de qualidade. Além dessas dificuldades, há concordância entre autores em relação a existência de um déficit metalinguístico envolvendo a dificuldade de nomeação rápida, a falta de consciência metafonológica e o déficit de memória de trabalho e dificuldade de sequencialiazação, fatores que dificultam a aquisição da leitura e da escrita. O objetivo do trabalho é comparar o desempenho em nomeação de figuras de crianças sem queixas escolares e crianças com Dislexia. Participaram da pesquisa 271 alunos do grupo controle sem histórico de repetência ou queixa escolar e 16 do grupo clínico, na faixa etária de 8 a 12 anos, com diagnóstico formalizado de dislexia. Utilizou-se o Teste de Nomeação de Figuras e realizou-se estatística descritiva (média) e inferencial (Mann-Whitney). Os resultados sugerem que os disléxicos de fato têm dificuldade ao nomear figuras corroborando dados da literatura. O estudo possibilitou ainda afirmar que algumas figuras são mais consensualmente nomeadas e que há itens do teste de figuras que devem ser melhor estudados. Estudos futuros poderão ainda discutir qualitativamente a natureza das dificuldades encontradas no grupo com dislexia. Estudos relacionados à déficits de categoria de figuras distintas devem ser implementados. O estudo aponta ainda para a possibilidade de, conhecidas as dificuldades de nomeação encontradas no grupo com dislexia, implementar projeto de reabilitação que envolva esta habilidade, bem como estudo de rastreio que possa, a partir da inabilidade de nomear figuras, oferecer suporte adicional com vistas a minimizar o impacto destas dificuldades no processo de aquisição de leitura e escrita.

Published

2021-02-22

How to Cite

GOMES, D. L. .; FREITAS, B. V. DE M. E .; CARVALHO, S. C. C. .; MENDES, L. G. R. .; CARVALHO, A. C. R. .; MARTINS, W. .; FERREIRA, S. DE F. B. . Desempenho em nomeação de figuras de crianças com dislexia. Archives of Health, v. 2, n. 1, p. 48-60, 22 Feb. 2021.